Selecionados para o programa de aceleração BRDE Labs RS

Com uma trajetória recente no Brasil, as startups estão renovando alguns mercados e, num cenário de instabilidade, vêm desafiando os modelos de negócios já existentes. Devido a importância do papel das startups no país, algumas iniciativas têm incentivado os chamados programas de aceleração para os novos empreendedores. É o caso do BRDE Labs.

Para incentivar e desenvolver as startups, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul–BRDE – lançou o BRDE Labs. O programa foi elaborado com objetivo de captar e acelerar startups que resolvam problemas latentes que o estado vem enfrentando no cenário atual, aproximando empresas, governo, universidades e o BRDE, para promoverem soluções inovadoras para o Rio Grande do Sul.

O programa abrange projetos idealizados no Rio Grande do Sul e Paraná, e dentre as 12 selecionadas do RS está a Elysios Agricultura Inteligente, startup gaúcha dedica a tornar a agricultura mais conectada, inteligente e acessível para os produtores.

No programa de aceleração, as startups serão acompanhadas por mentores indicados pelos organizadores – a Aceleradora VENTIUR, BRDE e a Aliança para Inovação formada pelas universidades UFRGS/ PUC/ Unisinos, através de seus parques tecnológicos. Desta forma, o processo foca em atividades de capacitação e mentorias, além de conexões para a geração de negócios. Assim, o programa oferece às startups uma série de reuniões de acompanhamento e eventos de capacitação, focados no desenvolvimento dos empreendedores, como destaca Francisco Motta, Head of Design da Elysios. “Nossas expectativas nesse processo de aceleração estão voltadas também para o networking que isso vai resultar, sobre como podemos criar parcerias e também o que vamos conseguir desenvolver, através das mentorias e capacitações que o programa oferece. Assim podemos identificar se estamos no caminho certo e o que precisamos ajustar”, destaca Francisco.

Os temas selecionados para serem trabalhados pelas startups envolvem agronegócio, indústria 4.0 e IoT (Internet das Coisas). A Elysios Agricultura Inteligente, que utiliza inteligência artificial e a Internet das Coisas para desenvolver soluções inteligentes para horticultura de precisão, foi selecionada na categoria agronegócio, setor ao qual o BRDE está diretamente ligado.
“A Elysios foi uma startup muito bem vista, tanto pelo BRDE quanto pela equipe da Ventiur, pois além de uma equipe com dedicação ao negócio, o segmento e solução da startup tem muita sinergia com os clientes do banco, que são produtores e também empresas que participam da cadeia do agro e hortifruti”, explica Guilherme Kudiess, Head of Agtech da Ventiur.

Hoje, a startup formada por ex-alunos da UFRGS atua na área de desenvolvimento de software voltado para hortifruti. A solução entrega para os produtores, técnicos e cooperativas o sensoriamento e rastreabilidade dos cultivos, funcionando através do Caderno de Campo Digital. Assim, o produtor pode ter melhor controle e otimizar o uso de água e insumos, por exemplo, evitando gastos desnecessários além de visualizar em tempo real a produção, coletar dados do campo e rastrearem todos os acontecimentos do cultivo.

As parcerias formadas neste programa de aceleração são o incentivo que as startups precisam para criar e implementar tecnologias que impactam a forma de produzir e alimentar o mundo. “Criar um ambiente propício para a inovaçāo exige o desenvolvimento de capital intelectual pelas universidades, iniciativas de fomento pelas instituiçōes e confiança das empresas para implementar e aprimorar”, destaca o diretor comercial da Elysios, Mário Apollo Brito.

Atuando há cerca de 5 anos no mercado, a Elysios Agricultura Inteligente já desenvolveu projetos junto a cooperativas e produtores de hortaliças e frutas, como é o caso dos produtores de uva da Serra gaúcha, em parceria com a Cooperativa Vinícola Aurora, de Bento Gonçalves. A plataforma foi adaptada à cultura da uva para suprir necessidades como, por exemplo, assistência técnica e rastreabilidade. No ramo da fruticultura, também atua junto a fabricante de óleos essenciais BioCitrus, levando a tecnologia de controle e rastreabilidade para os produtores de citros que fornecem frutas para a empresa.

Além disso, também mantém parceria para a inclusão da tecnologia na rotina dos produtores da agricultura familiar ligados à Cooperativa Mista de Agricultores Familiares de Itati, Terra de Areia e Três Forquilhas, a Coomafitt, no Litoral gaúcho, está sendo apoiada pela parceria do Sicredi Nordeste.

“Com este trabalho que iniciamos no Sul, a Elysios se tornará a principal plataforma de soluções para a agricultura familiar do Brasil”, conclui o diretor comercial Mário Apollo Brito.

Texto: AgroUrbano Comunicação
Foto: divulgação Elysios
Fone/Whats: (51) 99165 0244
www.agrourbano.com.br
www.facebook.com/AgrourbanoComunicacao
Instagram: @agrourbano_comunicacao

More to explorer